Português na ponta da língua - Sujeito e Predicado


Fonte: https://www.freepik.com/premium-photo/english-alphabet-cube-as-background_2490729.htm

Olá,


O Post de hoje Dica de estudo para os alunos que possuem dificuldades em um conteúdo bem importante de Português: Sujeito e Predicado.


É super importante entender sujeito e predicado por que eles compõem a estrutura das frases. Então, se você souber identificar esses termos essenciais da oração, isso pode ajudar na compreensão de seu funcionamento.


Como dissemos anteriormente sujeito e predicado são termos essenciais da oração.


O que é o Sujeito?

É o termo da oração que dá suporte ao predicado.

O que é o Predicado ?

É o termo da oração que fala sobre o sujeito.

Exemplo:

O pequeno cachorro correu pela rua alegremente

Sujeito Predicado


Mas como posso reconhecer o Sujeito de uma oração?


- Posição do sujeito: O sujeito normalmente vem antes do verbo. No entanto, pode haver mudança e o sujeito vir depois do verbo e até mesmo no meio do predicado (Posição na oração).


Por exemplo: O cachorro corria alegremente (sujeito antes do predicado) - > Alegremente, corria o cachorro (sujeito depois do predicado) - > Alegremente, o cachorro corria (sujeito no meio do predicado)


- Concordância: O verbo da oração deve sempre concordar com a pessoa e o número do sujeito, ou seja, na frase Nós iremos a escola, o verbo concorda com o sujeito, sendo flexionado para concordar o "Nós".

- Troca por pronomes: Caso o núcleo do sujeito seja um substantivo ele pode ser trocado pelos pronomes ele, ela, eles, elas (Troca por pronomes). Por exemplo: Ana é estudiosa - > Ela é estudiosa.

Tipos de Sujeito


Determinado: quando é possível dizer quem é o sujeito da oração.


• Sujeito determinado - ocorre quando é possível reconhecer que existe um elemento ao qual o predicado se refere e indicar quem é esse elemento.

Exemplo: A carrocinha levou meu cachorro.


Neste caso o sujeito pode ser reconhecido e por isso o chamamos de determinado. Este tipo de sujeito ainda pode ser subclassificado como:

→ Simples: quando tem apenas um núcleo.

Exemplo: A menina é bonita.

→ Composto: quando que possui mais de um núcleo.

Exemplo: João e Maria foram ao shopping sozinhos.

Mesmo que o sujeito seja determinado, ele pode não estar explícito na oração. Neste caso, ele pode ser classificado como:

• Sujeito oculto, elíptico ou implícito na desinência verbal

Exemplo: Vou fazer feira hoje. (sujeito = eu – implícito na desinência verbal)

• Sujeito indeterminado: ocorre quando a terminação do verbo (a desinência) não permite que seja possível determinar quem é o sujeito.


Exemplo: Foram buscar o menino na escola. (verbo na terceira pessoa do plural)


*No entanto se o verbo na terceira pessoa do plural fizer referencia a algum elemento anteriormente mencionado, este sujeito será determinado.


Ou ainda: Vende-se esta casa (pronome se + verbo na terceira pessoa do singular)


• Sujeito inexistente: ocorre quando simplesmente não existe elemento ao qual o predicado se refere.

Exemplo: Choveu durante o dia.

O verbo que não se referem a um sujeito é aquele que chamamos de impessoal. São eles:

- Haver: no sentido de existir, acontecer indicando tempo passado.

Exemplo: Houve poucos episódios.

- Fazer: na indicação de passado tempo e de fenômenos da natureza.

Exemplo: Faz três anos que me formei.

- Ser: na indicação de tempo e distância.

Exemplo: São duas horas.

- Fenômenos da natureza

Exemplo: Nevou o dia todo. Choveu muito durante a madrugada.



Predicado


É importante sabermos que todo predicado possui um verbo, no entanto o seu núcleo pode ser um verbo, um nome, ou pode ser formado por um verbo e um nome.

Sendo assim, os predicados se classificam em:

Predicado nominal: é aquele que tem como núcleo um nome (substantivo, adjetivo, locução adjetiva). Ou seja, aquele que possui verbo de ligação e predicativo do sujeito.

Ex: Maria anda alegre Predicado verbal: é aquele que tem como núcleo um verbo.

Ex: Os corredores andam pela pista.

Predicado verbo-nominal: é aquele que tem dois núcleos: um verbo e um nome.

Ex: Os corredores andam pela pista cansados.


Predicativo


O predicativo atribui qualidade ou estado ao sujeito ou ao objeto e pode ser classificado como:

Predicativo do sujeito: indica qualidade ou estado do sujeito através de um verbo, que pode ser de ligação, transitivo ou intransitivo:

Ex: João está alegre.

Predicativo do objeto: indica qualidade ou estado do objeto por intermédio de um verbo transitivo:

Ex: Eles cuidam das crianças doentes.


Agora que você já sabe do conteúdos, vamos praticar.


Separamos uma lista de exercícios para você ficar fera neste conteúdo e nunca mais esquecer.


Vamos lá!


Exercício


1)Indique o tipo de predicado presente na seguinte oração: “Minha mãe anda ansiosa.”


2) Qual das seguintes orações apresenta um predicado verbal?

a) Meu pai chegou muito cansado. b) Meu time perdeu o campeonato. c) A vizinha do segundo andar caiu nas escadas. d) Os funcionários são muito empenhados.


3) Indique o núcleo do predicado das frases abaixo apresentadas.

a) Você parece infeliz. b) Vi um filme sensacional no cinema. c) O diretor terminou a reunião satisfeito. d) Helena casou ontem.


4) Indique os tipos de sujeito que existem.



5) Indique os tipos de predicado existentes.



6) Classifique o sujeito e o predicado da seguinte oração: “Milena corre todos os dias na praia.”



7) Como se classifica o sujeito da oração “Andei correndo de um lado para o outro e não resolvi nada.”?



8) Indique as orações que apresentam sujeito indeterminado.


a) Ainda não anoiteceu... b) É necessário introduzir estas mudanças imediatamente. c) Ainda há muitas cadeiras vazias. d) Pediram muito dinheiro por aquele carro.


9) Classifique o sujeito das orações como simples ou composto.

a) Os contrabandistas foram presos. b) Nós queremos uma nova oportunidade, por favor. c) A Luísa e a Malu já foram embora. d) Paulo acabou repetindo a 6.ª série


10) Atribua o sujeito pertencente às orações abaixo, tendo como suporte o seguinte código:

A – Sujeito determinado simples B – Sujeito determinado composto C – Sujeito oculto D – Sujeito indeterminado E – Sujeito inexistente ou oração sem sujeito

( ) Meus amigos e eu organizamos um evento jamais esquecido. ( ) Preciso de seu carinho para me sentir segura. ( ) Faz dois anos que não vou a Brasília. ( ) A vida nos reserva grandes surpresas. ( ) Comentaram sobre os novos empreendimentos imobiliários.


Por hoje é só!

Esperamos que você tenha conseguido aprender e tirar todas as dúvidas com este post.




Equipe GoClass